VISITANTES   419.944
MISS SUMOL CUP - DIA 2

O início da competição no Miss Sumol Cup ficou marcado pelo apuramento das principais candidatas, não se tendo registado surpresas de maior no arranque da 4ª etapa da LigaProSurf feminina, principal competição nacional de surf.

Com ondas entre o 0,5m a 1m, muito sol e vento fraco, o dia de hoje foi reservado para as duas primeiras fases da prova, que pelo segundo ano consecutivo integra o programa do Miss Sumol Cup. Segundo o director.técnico da prova, Pedro Barbosa, o primeiro dia de competição teve "um nível razoável, um pouco melhor mesmo do que a etapa de Santa Cruz".


Image

O destaque do dia vai para as surfistas Carina Duarte, que protagonizou as melhores onda (7.50) e resultado (12.15), e ainda para a campeã nacional em título Joana Rocha, Ana Sarmento e Maria Abecasis, que, ainda segundo Pedro Barbosa, mostraram "pormenores interessantes", num "mar que não dava para muitas manobras". Mesmo assim, "o mar esteve razoável e viu-se algum surf de qualidade", acrescentou o director-técnico.

Hoje realizaram-se a 1ª Fase e os quartos-de-final com as atletas da casa (Associação de Surf de Aveiro) que marcaram presença maciça na prova a ficarem todas pelo caminho.

Com muito público no areal, o dia esteve excelente para desfrutar da praia, as surfistas empenharam-se forte pela conquista das melhores pontuações, com as quatro atletas já citadas a dominarem por completo a tabela das melhores pontuações atribuídas pelo corpo de juízes.

Após a primeira selecção de valores, na disputa dos quartos-de-final voltou a imperar a qualidade de Carina, Ana, Joana e Maria...

Com a maré mais cheia e bastante menos consistência nas ondas, Carina Duarte mostrou muita criatividade e à-vontade, logrando o melhor resultado do dia (12.15), demonstrando que está fortemente empenhada em reconquistar o título nacional que já foi seu em 2008.

Image

 Amanhã, o início da competição está previsto para as 10h00, com a realização das meias-finais, cujos «heats» estão assim definidos:

Heat 1: Ana Sarmento x Maria Abecasis x Filipa Prudêncio x Carolina Franco;

Heat 2: Carina Duarte x Constança Coutinho x Joana Rocha x Francisca Sousa.

Espera-se uma luta muito renhida pelas quatro vagas da final, quando as previsões apontam para um mar mais pequeno, o que poderá de alguma forma ser mais um obstáculo a ultrapassar pelas competidoras.

Com o estatuto de evento especial no calendário da LigaProSurf, a prova de surf contou com o número recorde de 24 inscritas, que disputam os 1.100 pontos de «ranking» e os 750€ de prémio monetária, condizentes com o grau 2 atribuído à prova pela Associação Nacional de Surfistas.


Aulas de surf com mais de 50 inscritos

Para além da competição, que manteve todos os que se encontravam no areal muito atentos ao que se passava no mar, o Miss Sumol Cup é um evento que prima pela vasta e variada oferta de actividades para o público presente na praia. Assim, para além das muito concorridas aulas de surf gratuitas, que tiveram como monitora a carismática e antiga campeã nacional Teresa Abraços, houve aulas de body balance e body combat, massagens e muitos concursos, com a oferta de muitos e diversos brindes. A propósito das aulas de surf, refira-se que a organização já registou mais de meia centena de inscrições, prevendo-se um ritmo crescente do número daqueles que pretendem iniciar-se no desporto de ondas nos restantes dias do evento.  Image