VISITANTES   428.591
Bodyboard começa sem surpresas

Arrancou hoje de manhã a etapa ilhavense do European Tour of Bodyboard (Circuito Europeu), com a realização de 12 das 23 baterias previstas na Miss Sumol Cup, apesar das fracas condições de mar que se verificavam. Ondas pequenas, mas bem formadas, o suficiente para que ainda se conseguissem umas boas notas.
Com um número recorde de inscritas (44 de 10 nacionalidades), a competição de bodyboard da 7.ª Miss Sumol Cup iniciou-se com uma ronda de oito heats, em que as duas primeiras classificadas de cada apuravam para a segunda ronda, fase em que as melhores do ranking aguardavam que o quadro das suas baterias ficasse completo com quatro atletas.
 
Image  

Não houve surpresas de maior neste apuramento, partindo-se de seguida para a refrega da Ronda 2. Aqui, já com as melhores bodyboarders em prova, e até à interrupção por falta de ondas, também não se registaram surpresas, com as favoritas a carimbarem o passaporte de acesso aos quartos-de-final. Estão nesse rol a espanhola Eunate Aguirre, actual líder do Circuito Mundial, as brasileiras Karla Costa Taylor, Maylla Venturin e Nicolle Calheiros, a alemã Joana Schenker e a portuguesa Catarina Sousa.

Image

Porém, e quando estavam realizados metade dos heats que compõem a segunda ronda, a organização decidiu suspender a prova por falta de condições de mar, optando por adiar o resto da competição para amanhã. Assim, a partir das 8h30 desta quarta-feira disputam-se as quatro baterias que faltam da Ronda 2, quartos-de-final, meias-finais e a grande final.
São esperadas boas condições de mar, com ondas que não deixem ficar mal a fama da praia da Costa Nova, um dos melhores spots nacionais para surfar.

Image

Ainda assim, no dia de hoje foram surfadas 292 ondas, sendo que a qualidade das mesmas não foi muito elevada, precisamente pelas condições de mar. De qualquer das formas, e é nestes momentos que se vê a qualidade das atletas em competição, foram conseguidas algumas boas ondas, com destaque para a australiana Lilly Pollard, a japonesa Sari Ohhara e a portuguesa Marta Leitão que alcançaram ondas pontuadas com um sete, num máximo de 10 pontos. Por outro lado, a brasileira Maylla Venturin, segunda classificada na edição 2010 da Miss Sumol Cup, conseguiu o melhor resultado, com 12.65 pontos.

Image

Recorde-se que em cada heat/bateria as bodyboarders podem surfar 10 ondas, das quais contam as duas melhores pontuações para o respectivo score/resultado.
Numa altura em que ainda não entraram em competição algumas das atletas, espera-se que o dia de amanhã seja um hino ao bodyboard, pois há muitas atletas que demonstram estar com grande vontade de dar espectáculo e dessa forma conquistarem pontuações que as guindem às fases decisivas da prova.
O check in para as atletas é às 8h00, sendo de esperar que meia-hora depois estejam na água as quatro bodyboarders que compõem o 13.º heat, o primeiro do dia.

Image

Completos estão já os quadros das duas primeiras baterias dos quartos-de-final, que colocarão em confronto: as brasileiras Maylla Venturin, Karla Costa Taylor e Nicolle Calheiros e ainda a portuguesa Beatriz Morgado; e, a australiana Lilly Pollard, a portuguesa Catarina Sousa, a alemã Joana Schenker e a brasileira Gabriela Gouveia.
Miss Sumol Cup prossegue amanhã aliando a beleza das competidoras à espectacularidade das suas manobras dentro de água, terminando com um jantar no convés do navio Santa Maria Manuela e uma festa na discoteca Estação da Luz, com os dj Antena 3, Mónica Mendes e Rui Estêvão.

Image

A surpresa que a organização reservou para o último dia do evento passa pela realização de uma sessão de tow-out, entre as meias-finais e a final. Tow-out é uma prática em que as bodyboarders são puxadas por uma mota de água de encontro às ondas. Ao embater na crista da onda, a prancha voa e, então, as atletas realizam manobras, que normalmente efectuam na água.
Seja com a competição em si, seja com o tow-out, amanhã o espectáculo está garantido na praia da Costa Nova.

Miss Sumol Cup é patrocinada pela Sumol e Câmara Municipal de Ílhavo, com o apoio de Pascoal, Smart - Mercentro, Nestlé Fitness, Isabel Castro Cabeleireiros, Ekena Bay, Glicínias Plaza, Pizzarte, Luisóptica, Hotel das Salinas, Piz Buin, Tribo do Sol, Estação da Luz, Turismo do Centro de Portugal, Mais Centro.
Como Media Partners, o evento ilhavense conta com o apoio do Diário de Aveiro, Cosmopolitan, Sport Life, Girlz, Zona Radical e Antena 3.

Nas páginas do Facebook de diversos patrocinadores estão a decorrer passatempos em que são oferecidos prémios muito apetecíveis, em especial pranchas de bodyboard.