VISITANTES   419.813
CAMPEÃ MUNDIAL TERESA ALMEIDA ANSIOSA POR COMPETIR NO MAR DA COSTA NOVA

                                        Image

"A Miss Sumol Cup é, sem dúvida, um dos campeonatos que me dá mais gosto participar e estou ansiosa para que chegue o dia. É definitivamente o melhor campeonato feminino do ano", quem o afirma é Teresa Almeida, campeã do Mundo ISA (International Surf Association).

A atleta nascida na Nazaré explica de forma simples os elogios que atribui à Miss Sumol Cup: "Ser um campeonato apenas feminino dá uma imagem diferente do desporto. A excelente forma como somos tratadas, desde as condições de prova à simpatia das pessoas, permite-nos mostrar o bodyboard feminino da melhor forma".
Em 2014, a nazarena teve uma ponta final de temporada excelente, ao conquistar o título mundial ISA, tendo tudo começado na prova da Costa Nova, em Ílhavo, com a vitória na derradeira etapa do Nacional de Bodyboard. E esse doce sabor da vitória é o que Teresa Almeida deseja voltar a saborear: "Após ter vencido a edição do ano passado, gostava muito de poder voltar a sentir a mesma alegria. Vou dar o máximo para conseguir um bom resultado em ambas as competições (Nacional e Europeu)".
Para já a atleta está satisfeita com as suas prestações em 2015, apesar de ainda não ter conseguido chegar ao lugar mais alto do pódio em nenhuma das provas em que participou.
"A temporada está a correr bem. Felizmente, consegui patrocínios, como o do Crédito Agrícola e da Ekena Bay, que me permitem estar inteiramente focada no bodyboard. Estou a fazer os circuitos Nacional, Europeu e Mundial e, apesar de ainda não ter ganho nenhuma prova este ano, estou contente com os meus resultados. Estou a ser constante, cada vez mais confiante e, certamente, melhores resultados irão aparecer até ao final da temporada".

                                        Image

Até porque a nazarena tem expectativas altas para o que falta da época: "Depois de um 2014 em grande, quero que 2015 seja de igual modo excelente. Contudo, acima de tudo, quero evoluir, crescer como atleta e treinar mais ainda para que as coisas possam correr bem. Penso que, se as coisas forem evoluindo desta forma, vou chegar ao fim do ano contente com os meus resultados e evolução".
Carregar um título mundial pode ser um fardo pesado, mas isso, para já, parece não afectar Teresa Almeida, que diz não se sentir pressionada pela conquista de 2014.
"Tenho, certamente, mais gente a olhar para mim e à espera de grandes resultados, mas estou a lidar bem com isso e não tenho sentido qualquer pressão a competir. Não me sinto pressionada ou com responsabilidade extra de resultados por ser a campeã mundial. Apenas quero fazer as coisas para mim e não pensar que tenho de mostrar alguma coisa a alguém. Antes de querer agradar a alguém, quero agradar a mim mesma com o meu surf e resultados e é nisso que penso e estou focada. Se conseguir fazer isso, agradarei com certeza às pessoas que me seguem e aos meus patrocinadores".
Aos 23 anos e já com um título mundial no currículo, Teresa Almeida deixa um incentivo a todas as raparigas que querem abraçar o bodyboard e não só, relevando a importância de participarem no campeonato organizado pela Associação de Surf de Aveiro.
"Penso que todas as raparigas que estão a começar a fazer bodyboard, as que já fazem há algum tempo e as que estão a pensar começar a fazer deveriam ir à Miss Sumol Cup. É definitivamente o melhor campeonato feminino do ano e onde vão sentir o melhor ambiente. Não podem faltar mesmo!", sublinha a nazarena, aproveitando para endereçar igualmente um convite ao público que habitualmente enche o areal para ver as sereias do bodyboard: "Espero que tenhamos a praia cheia de público como tivemos no ano passado. Foi excelente sentir o vosso apoio na praia quando saí da final e vi a praia cheia de gente! Conto com vocês na Costa Nova para mais um grande campeonato!".